Carregando...
HQ do site

Boruto – comparação Anime Mangá

Boruto

Boruto vs Kawaki

Boruto, lançado em 2017, continuação de um angá e anime de peso.

Naruto, assim como DBZ, são obras que visando o lucro, foram estendidas e estão sendo sugadas. Isso por si só não é ruim, DC e Marvel faz isso e ainda assim saíram obras primas. Ainda que as estruturas são bem diferentes, fazendo com que DC e Marvel tenha um leque maior.

A diferença, que Dragon Ball havia acabado há pelo menos 2 décadas, isso mesmo se considerarmos o GT. Por isso teve que desenterrar a obra que não havia deixado ganchos, mas não tinha dado um final definitivo (já que o GT foi descartado). Enquanto Naruto acabou recentemente, e ainda em seu final, já foi sendo preparado uma continuação, Boruto. Devido a isso, ainda no último arco de Naruto, foram sendo deixados ganchos e perguntas sem resposta. Até um vislumbre dos próximos inimigos, para uma possível continuação (no caso, lembra as pontas que começaram a serem deixadas na saga de Freeza, para a continuação na saga de Cell).

Mas enquanto DBS resolveu ir na trama principal e depois entrar em um hiato para o mangá andar, Boruto resolveu ir lançando o anime. Consequentemente resolveram enrolar para o mangá andar. O que faz parecer que é um anime de fillers. Ainda que o termo não seja esse, a sensação é de estar vendo fillers e a trama não anda. Na verdade, mesmo quando é desenvolvida, passa despercebido e parece que não sai do lugar.

Pelo anime, não desperta muito interesse, mas vendo os debates em relação aos acontecimentos do mangá, me despertou o interesse em ler, e não me arrependi.

O anime ainda possui vantagens em relação ao mangá, entendemos melhor o Mitsuki, vemos que Shikadai e Boruto são amigos mesmo, enquanto no mangá mais parece apenas colegas de sala. E outros personagens da mesma classe de Boruto ganham carisma, enquanto no mangá passam despercebidos. Outro ponto interessante, é ver como outros núcleos resolveram suas questões, a exemplo do vô de Boruto, que foi de um pai rigoroso para um avô coruja, e o episódio focado nele, o conseguimos entender melhor. O problema é que ainda assim, o anime parece arrastado.

Mas no mangá a trama se desenrola, mistérios aparecem e teorias são feitas. Isso tudo mostra como a trama é envolvente e que o anime vai ter um trabalho duro para adaptar. Mas infelizmente, para quem espera que Konohomaru brilha, ficará decepcionado.

No entanto, agora que a trama está chegando no anime, o anime pode aproveitar as vantagens de sua mídia, não só para incrementar as lutas, que já são interessantes, como explorar melhor outros personagens.

A Kara, a organização que entra no lugar da Akatsuki, diferente pra antecessora, é uma organização com hierarquia forte, de forma que os membros de maior escalão tem mais poderes. Isso permite a criação de membros de baixo escalão para o anime, que podem usar eles para explorar antigos personagens, os trazendo de volta à ação. Seria muito bom rever Rock Lee, Kakashi, Kiba e Hinata lutando novamente.

Boruto mangá

Boruto mangá

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.